A política do DF, está nebulosa

A política do DF, está nebulosa
A política do DF, está nebulosa

Os três principais candidatos ao Buriti, tem um futuro incerto e até agosto podem ter muitas surpresas

Ibaneis Rocha (MDB) atual governador do DF, até o momento é o único que conseguiu montar sua chapa completa tendo Celina Leão (PP), como Pré – candidata a Vice -Governadora, Damares Pré -candidata ao Senado (Republicanos). Uma chapa aparentemente perfeita tendo em sua maioria mulheres. Pois bem agora o Governador não vai poupar esforços para ter a seu lado o partido do atual Vice-governador Paco Britto (AVANTE) que pode ser o fiel das eleições, não podemos esquecer que Ibaneis também precisa de apoio dos atuais partidos da base governista.

Arruda está colocando as manguinhas de fora e promete virar o jogo e já mostrou que apesar de estar sem mandato a mais de uma década tem muita força e ainda cativa eleitores em várias partes do DF. Tem mantido conversar com Paulo Octávio provável pré-candidato ao Senado.

Arruda ainda não anunciou quais opções tem para Vice -Governador e depende da liberação do STF que deve ocorrer dia 3 de agosto lembrando que a data limite para registro de candidaturas é dia 5 de agosto. guardamos os próximos capítulos mas uma coisa já é certa a candidatura de Arruda já está dando muita dor de cabeça .

Caso Arruda seja confirmado o GDF, deve ter várias baixas e a Câmara Legislativa também, pois vai ter partidos que estão apoiando ibaneis migrando para Arruda enquanto nada está definido o político está amealhando e mapeando seus ex aliados ou futuros.

Reguffe é o candidato ioiô ora é candidato ao Buriti, ora ameaça sair da vida pública pois não aceita concorrer a outro cargo a não ser de Governador.

O imbróglio é grande primeiro precisa que Paula Belmonte ou Joe Valle consigam ser autorizados por suas legendas para ocuparem as vagas de Vice- Governador ou Senador. Na prática uma chapa que pode ter caído no famoso boa noite cinderela e talvez Reguffe, Paula Belmonte e Joe não concorram em nenhuma chapa majoritária.

A grande verdade que em outubro a população vai estar frente a frente com as urnas enquanto isso muitas dúvidas irão perdurar, nesta eleição que não há favoritos todos tem grande potencial de sentar na cadeira mais cobiçada do DF, e se traição faz parte de nossos cotidianos imagina o que pode acontecer na política.

Da redação

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.