segunda-feira, maio 27, 2024

Acesso do Setor Policial à via Epig será liberado no sábado (11)


Quem transita no Setor Policial Sul em direção à Taguatinga poderá voltar a acessar a Estrada Parque Indústrias Gráficas (Epig), a partir das 16h deste sábado (11). O acesso à via estava bloqueado desde 18 de abril para a concretagem da pista, obrigando os motoristas a utilizarem as vias internas da Octogonal. Com a medida, o transporte público coletivo volta a usar a parada de ônibus situada em frente à passarela de pedestres.

Imagens: Divulgação/SODF

“Todas as intervenções adotadas até aqui são temporárias”, lembra o secretário de Obras, Valter Casimiro. “Com o avanço dos serviços, vamos retomando a normalidade do tráfego nos trechos em obras. Essa mudança certamente vai desafogar o trânsito nas vias internas da Octogonal.”

Nova interdição 

Para a continuidade dos serviços de concretagem na altura do viaduto que passa sobre a Estrada Parque Indústrias e Abastecimento (Epia), a alça que liga a via Epia à Estrada Parque Taguatinga (EPTG) será interditada. Assim, como rota alternativa, os motoristas deverão acessar a EPTG pelo Setor de Indústrias e Abastecimento (SIA).

Nos próximos dias, novas intervenções na via serão anunciadas, sempre com antecedência. “Na medida em que a obra for avançando, trechos da via serão liberados para minimizar os transtornos”, esclarece o engenheiro Carlos Magno, responsável pela obra.

As obras na Epig fazem parte do corredor Eixo Oeste, responsável pela ligação do Sol Nascente ao Eixo Monumental e ao Terminal Asa Sul. Ao longo da via, onde haverá uma faixa exclusiva para ônibus no sistema BRT, serão construídos nove viadutos, estações BRT, passagens para pedestres e ciclovias. Por questões de logística e segurança, as obras foram divididas em seis trechos.

O primeiro trecho em execução, situado na interseção da via EPTG com a Epig, abrange a implantação de corredor BRT, a construção de dois novos viadutos, instalação de ciclovias, obras de drenagem, pavimentação, sinalização, paisagismo, calçadas e mobiliário urbano.

*Com informações da Secretaria de Obras e Infraestrutura



Source link